Dicas e truques para conquistar o sorriso perfeito

Especialistas mostram um roteiro de cuidados para garantir um sorriso bonito no rosto, sem se descuidar da saúde bucal

Foto de Freddy Mishiki / Unsplash)
Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

Dizem que o sorriso é o espelho da alma. Sorrir  torna as pessoas mais bonitas e simpáticas, ajuda a estabelecer relações sociais mais facilmente, alivia a tensão e aumenta o bem-estar. Também é parte importante da beleza e da harmonia facial. Não à toa, cada vez mais pessoas estão investindo na busca pelo sorriso perfeito. Basta passar algum tempo no TikTok para encontrar vídeos de pessoas tentando melhorar a aparência do sorriso, muitas vezes até mesmo colocando a saúde oral em riscoseja ao usar bicabornato para clarear os dentes ou lixa de unha para alinhar o sorriso.

De fato, a procura pelo sorriso perfeito deve crescer ainda mais nos próximos anos: segundo relatório global da Precedence Research, o mercado de odontologia estética, que foi avaliado em US$ 23 bilhões em 2022, deve atingir mais de US$ 41 bi até 2030, registrando um CAGR (taxa de crescimento anual composto) de 7,6%, em parte pelo desejo das pessoas de parecerem mais atraentes.

“O sorriso pode ser prejudicado por fatores como falta de manutenção da saúde oral, estresse e má alimentação, já que favorecem o acúmulo de placa bacteriana, o amarelamento dos dentes e o surgimento de doenças orais, como cáries e gengivite”, afirma o professor Hugo Lewgoy, doutor pela Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (FOUSP) e consultor científico da Curaden Swiss.

O Dia Mundial do Sorriso, celebrado neste 2 de outubro, e o Dia Mundial do Dentista (3/10) trazem dados e estatísticas comprovam a importância dos cuidados com a saúde bucal. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 60 a 90% da população mundial têm ou tiveram algum tipo de doença bucal em algum momento da vida. Além disso, estudos mostram que o mau hálito afeta aproximadamente 40% da população.

Dicas para um sorriso perfeito

Muitas pessoas sentem receio em sorrir por acreditarem possuir um sorriso inestético. Mas o que poucos sabem é que conquistar um sorriso bonito é mais simples do que parece. Quer saber como? Confira as dicas do professor Hugo Lewgoy abaixo:

Realize a escovação com uma escova adequada: O principal passo para conquistar um sorriso é a escovação regular, que deve ser realizada duas vezes ao dia. Mas é importante realizar essa etapa com uma escova ultramacia, já que escovas com cerdas duras podem desgastar o esmalte de seus dentes e provocar retração gengival. “Além disso, a escova também deve possuir uma grande quantidade de cerdas, pois, quanto mais cerdas, maior é a eficácia da escovação e menor é o acúmulo de placa bacteriana no dente”, alerta o cirurgião-dentista.

Aposte em um creme dental de baixa abrasividade: Para potencializar a escovação, o uso de um creme dental é indispensável. Mas, assim como com as escovas, é preciso ficar atento às características dos produtos utilizados, visto que, segundo o Dr. Hugo, a grande maioria dos cremes dentais possui ação abrasiva, o que, em excesso, também pode contribuir para o desgaste do esmalte dos dentes e a retração da gengiva. “A escova deve ser utilizada junto a um creme dental livre de Lauril Sulfato de Sódio (LSS) e ingredientes abrasivos, já que essas substâncias podem agravar o ressecamento da mucosa oral”, diz o cirurgião-dentista.

Não se esqueça do fio dental e da escova interdental: Apenas a escovação não é suficiente para higienização efetiva da cavidade oral. Por isso, aposte também no uso do fio dental e de uma escova interdental. “Enquanto o fio dental auxilia na remoção de detritos alimentares e pontos de contato muito apertados, a escova interdental realiza a desorganização da placa bacteriana nas irregularidades e depressões interdentais que o fio dental não consegue higienizar”, destaca o médico.

Higienize a língua: Apesar de não estar diretamente relacionada à aparência dos dentas, a higienização da língua é fundamental para manter a saúde oral em dia, evitando o mau hálito e o desenvolvimento de microrganismos que também podem ser nocivos para a dentição. Para isso, utilize escovas e instrumentos próprios para a limpeza da língua.

Enquanto a escova tem cerdas um pouco mais firmes que as das escovas dentais convencionais, sendo assim mais eficaz em penetrar nas fissuras e irregularidades da língua para desalojar a saburra lingual, o gel facilita a remoção desta saburra e neutraliza os gases que provocam odor desagradável.

Aposte no enxaguatório bucal: O uso de enxaguatórios também é fundamental, pois, de acordo com o especialista, possuem ação importante na prevenção do desenvolvimento de microrganismos na cavidade oral.

Invista nos clareadores: Para conquistar um sorriso bonito, ainda é possível ir além, por exemplo, através do uso de clareadores dentais para combater o amarelamento dos dentes. Quem sofre com dentes amarelados, que podem causar grande impacto na autoestima, pode optar pelo uso dos clareadores dentais. Existem diversas opções no mercado capazes de promover o branqueamento dos dentes sem prejudicar a saúde oral.

Adote estratégias para manter a saúde oral em qualquer lugar: É interessante que você sempre tenha em mãos um pequeno kit composto de uma escova de dentes, creme dental e escovas interdentais para realizar a higienização independentemente de onde estiver. Hoje, é possível até mesmo adquirir kits portáteis prontos para a higiene oral.

Visite seu dentista regularmente: É fundamental que você consulte um dentista com regularidade, já que ele é o profissional indicado para realizar uma avaliação do estado da sua saúde oral e da qualidade dos seus dentes, indicando assim os cuidados mais adequados para que você consiga conquistar um sorriso mais bonito. “Mesmo a melhor e mais completa rotina de cuidados com a saúde e beleza da cavidade oral deve ser acompanhada de visitas regulares ao cirurgião-dentista”, finaliza o Dr. Hugo Lewgoy.

Alimente-se corretamente: Outro cuidado importante para conquistar um sorriso bonito é a adoção de uma alimentação balanceada e livre principalmente de açúcar, que é um dos principais vilões da saúde bucal, favorecendo o aparecimento de cáries, gengivite, halitose e outras doenças periodontais.

“O recomendado então é limitar o consumo de açúcar, ingerindo, no máximo, uma colher de sopa do ingrediente por dia”, aconselha o especialista. “Além disso, verifique nos rótulos dos produtos se existe algum tipo de açúcar escondido, limite a frequência dos lanches entre as refeições, substitua os refrigerantes por água e evite alimentos açucarados pegajosos, como chicletes e balas, que podem deixar resíduos nos dentes e favorecer o aparecimento das doenças orais”, completa o Dr. Hugo Lewgoy.

Desestresse: Além da higienização da boca, é fundamental também que você cuide da saúde de seu organismo como um todo, pois alguns fatores, como o estresse, podem afetar diretamente a saúde bucal. “Em momentos de estresse produzimos altas quantidades de hormônios como hidrocortisona, cortisol e adrenalina, substâncias que desencadeiam um efeito pró-inflamatório no organismo, o que favorece o surgimento de inflamações e infecções, incluindo doenças periodontais”, afirma o Dr. Hugo Lewgoy.

“Além disso, quando estamos estressados aumentamos a prática de hábitos negativos, como a má higiene oral, o que somado a vulnerabilidade do organismo pode favorecer o surgimento de doenças como cáries, gengivite e halitose. Por isso, invista em cuidados que visem a redução do estresse, como meditar, praticar exercícios físicos diariamente, dormir bem e manter contato com pessoas da família e amigos”.

Lábios emolduram a arcada dentária: como cuidar?

Mas, engana-se quem acha que apenas os dentes importam para conquistar um sorriso deslumbrante. Elemento fundamental na composição do sorriso, os lábios funcionam como uma moldura das arcadas dentárias. “Para um sorriso bonito, o ideal é que o lábio superior seja até 50% menor do que o lábio inferior”, explica a cirurgiã plástica Beatriz Lassance, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Ainda com relação aos lábios, a desidratação dessa região é outro fator que pode fazer com que o sorriso tenha menos destaque. “Fatores como exposição ao vento e ao frio e uso de certos medicamentos podem deixar os lábios mais secos. Então, para mantê-los hidratados, é importante utilizar hidratantes labiais formulados com ingredientes como ácido hialurônico, vitamina E, pantenol e manteiga de karité”, diz a Dra. Cintia Guedes, dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Mas assim como o belo sorriso não se restringe aos dentes, também não se limita aos lábios. Outra questão que pode esconder a beleza do sorriso é a pouca exposição da arcada dentária, que ocorre quando a parte acima da boca, que se estende do nariz até a borda dos lábios, é muito longa, o que pode ocorrer tanto naturalmente quanto pelo processo de envelhecimento.

“Idealmente, a distância entre a columela (base do nariz) e o lábio superior deve ser de 13 a 15mm. No entanto, devido à flacidez facial, essa distância tende a aumentar com os anos, conferindo à região aquele aspecto caído de ‘sorriso triste’”, explica o cirurgião plástico Paolo Rubez, membro da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS) e da Sociedade Americana de Cirurgia Plástica (ASPS).

Mas, nesses casos, é possível optar pela realização de uma cirurgia minimamente invasiva conhecida como Lip Lift, que é capaz de volumizar, levantar e rejuvenescer os lábios, consequentemente melhorando a harmonia facial.

“O procedimento é realizado a partir de uma pequena incisão na linha da columela, abaixo do nariz. Em seguida, retiramos uma porção da pele para encurtar a distância nasolabial e fechamos a incisão com pontos estrategicamente posicionados para obtermos um lábio elevado e volumoso”, afirma o médico.

A exposição excessiva da arcada dentária também deve ser levada em consideração na busca pelo sorriso perfeito, pois mostrar demais os dentes ao sorrir pode ser tão ruim quanto não os mostrar. Nesses casos em que a parte superior à boca é muito curta e há muita exposição da arcada superior e da gengiva, a aplicação de toxina botulínica é recomendada.

“Para melhorar o que é conhecido como sorriso gengival, podemos utilizar a toxina botulínica, que impede a contração muscular de forma que o lábio não possa ser elevado acima do necessário. No entanto, o resultado não é permanente, já que o efeito da substância dura, em médiade quatro a seis meses, podendo variar de paciente para paciente”, diz a Dra. Beatriz Lassance.

É normal que uma pequena porção da gengiva apareça enquanto sorrimos, então é importante que essa estrutura também seja bem cuidada por quem deseja um sorriso bonito. Para isso, além da escovação convencional, é fundamental utilizar uma escova interdental.

“O espaço entre os dentes, segundo estudos, é o ponto de partida de grande parte das cáries e doenças das gengivas. Logo, o uso diário das escovas interdentais é fundamental, pois são as principais responsáveis por realizar a desorganização da placa bacteriana nas irregularidades e depressões localizadas entre os dentes, onde o fio dental não consegue higienizar adequadamente”, explica o cirurgião-dentista Dr. Hugo Lewgoy.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

You may like

In the news
Leia Mais
× Fale com o ViDA!