Segurança na palma da mão: Rio lança o aplicativo ‘Escola Segura’

App permite registrar denúncias de furto, vandalismo, brigas entre estudantes, acidentes, chuvas, ataques com armas brancas, armas de fogo ou ameaça de bombas

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

Enquanto o Governo do Estado do Rio de Janeiro prepara o aplicativo Rede Escola, que irá conectar os profissionais de ensino à polícia de forma mais rápida e segura, a Prefeitura do Rio sai na frente e lança o aplicativo chamado Escola Segura. O app é concedido a equipes escolares e faz com que os mesmos consigam registrar um alerta de operações policiais e até mesmo ameaças de ataques na unidade.

“O aplicativo Escola Segura vem com o objetivo de apoiar nossas unidades escolares e dar celeridade na tomada de decisão, promovendo a paz nas nossas escolas”, afirmou o secretário de Educação, Renan Ferreirinha, durante o evento de lançamento do aplicativo na Escola de Formação de Professores Paulo Freire, no Centro, nesta segunda-feira (24/04).

A criação do aplicativo tem o objetivo de facilitar a comunicação entre as escolas e as autoridades policiais. Os dados que são informados pelos gestores no aplicativo geram um alerta em dez segundos, em caso de emergência, para que seja feita a abordagem correta. Dentro do app, é possível dizer qual tipo de violência que a escola está sendo vítima, operações como: furto, vandalismo, brigas entre estudantes, acidentes, chuvas, ataques com armas brancas, armas de fogo e até mesmo ameaça de bombas.

A Secretaria de Educação fará dessa semana um período de adaptação, treinamento e também de cadastro das redes escolares. O intuito de acompanhar e monitorar as instituições por meio desse aplicativo, faz com que a escola volte a ser um ambiente de acolhimento, educação e respeito.

“Essa é uma iniciativa muito boa. Podemos acionar vários órgãos diferentes, que vão saber naquele momento o que está acontecendo. Gostaria de lembrar que o aplicativo não substitui o 190, mas é uma ação muito importante para a segurança dos nossos alunos. Nos sentimos mais seguros com o lançamento desse aplicativo”, disse Thiago da Silva Bello, diretor da Escola Municipal Holanda, no Jardim Carioca, na Ilha do Governador.

Cartilha Segurança nas Escolas do Ceará

O Governo do Ceará lançou, por meio das secretarias da Segurança Pública e Defesa Social e da Educação, a cartilha de orientações para a prevenção e combate da violência dentro do ambiente escolar. No documento, estão presentes orientações como: o aumento de controle ao acesso nas escolas; em caso de suspeita sobre planejamento de ato violento, fica recomendado ligar para contato 181 ou encaminhar prints para o WhatsApp (85) 3103-0181 — contato criado para diretamente para esse tipo de denúncia; verificar a veracidade das informações recebidas, entre outras orientações.

Fonte: Prefeitura do Rio

leia mais

Justiça no Rio se mobiliza para combater ataques às escolas
Polêmica: escola no Rio decide instalar detectores de metal
Para proteger alunos, escola no Rio instala até arame farpado
Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

You may like

In the news
Leia Mais
× Fale com o ViDA!