Para não esquecer de tomar muita água no verão

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

 

A elevação das temperaturas, com a chegada do verão, implica em mudanças no organismo. A homeostasia, mecanismo que possibilita o organismo funcionar entre 36 e 37 graus Celsius, ativa diferentes mecanismos para manter essa condição. Entre eles, como explica a clínica geral do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Lígia Brito, a perda de líquido pelo suor.

Apesar do processo ser algo natural, a não recuperação dessas substâncias pode acarretar em sintomas como queda de pressão, tontura, mal estar e até mesmo desidratação. Segundo a médica, a hidratação e a alimentação são dois pontos importantes para evitar situações piores, como os desmaios.

A reposição da água e sais minerais perdidos pelo suor não pode ser feita de qualquer maneira. Lígia Brito alerta que os isotônicos, ricos em sódio e potássio, devem ser utilizados somente por atletas.

“Os isotônicos são indicados somente para quem faz exercício, pois nesta situação ocorre maior perda de sais minerais. Já o consumo em excesso, por quem não pratica atividade física, pode acarretar em um aumento de pressão”, reforça.

A maneira mais saudável de repor esses componentes é pela ingestão de água, frutas, legumes e verduras. “O consumo de água e desses alimentos é fonte de boa parte dos sais minerais necessários para o organismo”, finaliza a clínica geral.

Beber água é mais que uma tarefa, é um dever à vida! Muito se ouve que o mínimo a ser tomado por dia são 2 litros,preferencialmente. O problema é que as pessoas “esquecem” ou pior, não gostam de água. Acabamos de entrar no verão, o calor aumenta e com isso perdemos mais liquido do corpo. Se você quer um organismo saudável, uma pele bem hidratada e de queda se livrar do calor do verão, o primeiro passo é beber água.

Segundo Maximo Asinelli, nutrólogo e proprietário da Clínica Asinelli, “o problema é que a pessoa não é acostumada a ingerir água, e por isso acaba não tomando o líquido necessário para sua sobrevivência. Tudo é uma questão de prioridade e força de vontade”, explica. Um estudo mostrou que as pessoas que consumiam pelo menos cinco copos de água por dia, possuem 41% a menos de chance de desenvolver problemas cardíacos do que os que consomem menos de dois copos.

A água não tem calorias, nem açúcar, nem gorduras, nem carboidratos. “Beber água ao invés de refrigerantes ou sucos, emagrece, além do mais muitas vezes que se acha estar com fome esteja na verdade com sede, por isso ingerir água quando estiver com fome ajuda a emagrecer comendo menos, o que ajuda a evitar a obesidade e logo, outras doenças”, ressalta o nutrólogo. Além disso, para que o nosso sistema digestivo funcione corretamente é preciso que se tome água, “muitas vezes apenas a mudança de hábito de começar a beber água suficiente regula intestino preso e acaba com ácidos no estômago e ainda ajuda a eliminar as toxinas e resíduos do corpo”, pontua Asinelli.

Com a chegada do verão e as altas temperaturas acabamos por suar e salivar mais. Caso você pratique atividade física, a perda de líquidos do organismo é maior ainda. Infelizmente o corpo humano não possui a capacidade de armazenar líquidos como outros animais. Ao longo do dia, perdemos cerca de 2 litros de água. Sem a ingestão de água corretamente, o corpo fica mais quente e corremos mais o risco de uma desidratação.Mas fique ligada, refrigerantes, sucos e bebidas alcoólicas não entram nessa conta, já que, o álcool e os açúcares presentes nessas bebidas ajudam a consumir mais liquido e mais nutrientes.

O importante é ingerir água várias vezes por dia, não tudo de uma vez só. “Um copo ao acordar, um copo antes ou após cada refeição, durante e após atividade física, e durante o dia todo, não esperando ficar com sede, pois aí o corpo já estará desidratado. O ideal é criar uma rotina, principalmente no verão”, finaliza ele.

Serviço: Clínica Asinelli

Dr. Máximo Asinelli

Nutrólogo
Telefone: (41) 3015-6001 / (41) 99972-1142
E-mail: contato@asinelliclinicas.com.br

Site: http://www.clinicaasinelli.com.br

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

You may like

In the news
Leia Mais
× Fale com o ViDA!