Carnaval SaudávelPalavra de Especialista

É hora de sair da rotina, relaxar e aproveitar – da forma que quiser!

Por causa da pandemia de Covid-19, ficamos os anos de 2021 e 2022 sem podermos celebrar a maior festa popular de nosso país, o Carnaval! É de se lamentar o número de vítimas deixadas pelo coronavírus, porém, a vacinação em massa trouxe de volta as nossas possibilidades de convívio e não precisamos mais ficar em casa o maior tempo possível, retomando o contato com as pessoas à nossa volta. Outra questão que ora vamos discutir é a saúde mental da população, que ficou bastante comprometida. 

Pessoas que antes da pandemia tinham uma rotina e um comportamento considerados normais, começaram a apresentar medos exagerados, depressão, ansiedade, estresse, preocupação excessiva, entre outros males. Hospitais, médicos, enfermeiros e demais profissionais da área da saúde mental, ficaram assoberbados, e até os próprios passaram por problemas semelhantes. Foi uma situação assustadora e sem precedentes.

Todos temos nossos limites, e a pandemia, o risco de contaminação pelo vírus, a perda de pessoas queridas e o medo de ser infectado, tendo a vida em risco, provocou na população um grau de insegurança e incertezas muito grande. Mas a ciência abraçou a causa e cumpriu seu papel na defesa da vida e do bem estar. Hoje podemos dizer que o mal está sob controle. Mesmo as novas variantes do vírus estão podendo ser controladas a tempo. 

Com todo esse quadro, como ficou a saúde mental da população?  O que ocorreu em paralelo à grande epidemia? Muitas pessoas foram mental e/ou emocionalmente afetadas. Temos dados de que muitas pessoas permanecem em tratamento para manter seu grau de produtividade e funcionalidade. Muitas pessoas que antes não apresentavam nenhum transtorno ou sofrimento psíquico, estão sendo acompanhadas por profissionais da saúde mental e vivendo uma nova realidade. 

Houve pacientes que necessitaram de um atendimento pontual, e já não usam medicações ou precisam de mais cuidados. Outros desenvolveram problemas crônicos em saúde mental e continuam seu tratamento. A boa notícia é que a maior parte dessas pessoas voltou a ter uma vida funcional, tendo apenas que seguir as recomendações e orientações feitas para dar continuidade ao tratamento. Não deixar de tomar a medicação e fazer o tratamento psicológico, são atitudes e comportamentos necessários durante os cuidados para restaurar a saúde mental.

Leia mais

Impacto da pandemia persiste e afeta saúde mental de jovens
Pandemia causa mais danos à saúde mental de mulheres do que de homens
Por que o Carnaval faz bem para o corpo e para a alma?

Carnaval não é só brincadeira!

Em tempos de Carnaval para alguns é momento de se divertir, aproveitar e cair na folia, outros preferem aproveitar o feriadão para descansar e viajar, há também aqueles que gostam de ficar quietos em suas casas e outros preferem fazer retiros espirituais. Enfim! O carnaval não é só brincadeira é também momento de sair da rotina e relaxar.

As obrigações do nosso dia a dia provocam muita pressão e cobranças, precisamos sair deste estado de alerta, em algum momento para relaxar repor as nossas energias e potencial de vida. O Carnaval pode ser um tônico para resgatar o nosso equilíbrio e assim, produzir saúde.

Para quem vai cair na folia, a festa de Momo pode fazer muito bem. Seja pelo alto astral, pela diversão, pela reunião com os amigos, seguir um bloco, acompanhar o desfile das escolas de samba. Tudo isso é saudável e traz alegria, a alegria é contagiante, produz bem estar e bem estar é saúde mental.

Mas há quem prefira ficar em casa na companhia de um bom livro, ou mesmo apenas relaxando. Sendo assim, cabe a você optar pela melhor maneira de aproveitar a festa. Lembrando que você deve ser sua prioridade, e que pode  encontrar a melhor forma de se sentir bem neste Carnaval. 

Agora! Não perca a chance de realizar algo neste feriadão, mesmo que seu objetivo seja relaxar. Se for, relaxe. Se o seu objetivo for cair na folia, caia na folia! Gaste sua energia! Se preferir um Carnaval moderado, programe-se para tal.

Viva o Carnaval e a saúde mental! 

Leia outros artigos nossos no ‘Palavra de Especialista’

 

Confira nosso especial ‘Carnaval Saudável’

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!
Shares:

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *