‘Agências me obrigavam a fazer cirurgias plásticas’, diz modelo

Apresentador brasileiro revela bastidores de reality show inglês sobre procedimentos estéticos. Busca aumenta entre os homens

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

A procura por procedimentos estéticos não é só no Brasil. Na Inglaterra, o apresentador brasileiro Israel Cassol está entre os participantes do próximo reality show britânico que tem os procedimentos estéticos como princípio fundamental. Embora o nome do programa ainda não tenha sido revelado, já foi confirmado que a estreia acontecerá no mês de dezembro.

O ponto alto do programa são os procedimentos estéticos, então são colocados dois participantes de frente para o outro durante o programa e ambos precisam adivinhar os procedimentos que o colega já realizou.  Cassol diz que passou por um momento especial nas gravações, pois a produção exibiu imagens com apelo afetivo para o apresentador, que ficou emocionado.

 

“Colocaram fotos de 23 anos atrás, eu nem tinha procedimentos. Fizeram uma linha do tempo até a minha capa da Playboy e foi interessante viver isso”. conta Israel,  que lembrou da sua trajetória e do quanto foi difícil lidar com as suas inseguranças e acreditar na sua beleza:

“Eu sou uma pessoa que lida muito com a imagem, mas não me aceitava como um homem bonito. Quando virei modelo comecei a mudar o meu corpo porque as agências pediam e diziam que daquele jeito eu não iria trabalhar mais”, destaca.

O apresentador conta que tem vivido uma experiência única como participante e declara ter um dos seus sonhos realizados com essa oportunidade. Para ele, ser o único participante brasileiro é uma vitória: “Já passei por tanta coisa e durante as gravações não encontrei com nenhum outro participante brasileiro, acho que só eu fui escolhido mesmo”, esclarece.

“Não tive oportunidades de participar de realitys shows no Brasil, apesar de ter tentado bastante. Viver esse momento no Reino Unido me deixa muito feliz, é um sonho que estou realizando e foi uma virada de chave de 2023 na minha vida”, declara. Ele acrescenta sobre a importância de explorar um reality como esse e explica a dinâmica que os telespectadores poderão observar:

Cassol diz que obstáculos sempre surgem, como o da língua, já que o reality é para a televisão britânica, mas afirma estar bem preparado. “O inglês não é a minha língua mãe, mas sou um cidadão britânico e morei por 15 anos na Inglaterra. É claro que fiquei nervoso, mas tenho fluência no idioma e eu realmente acho que me dei bem”, finaliza.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

You may like

In the news
Leia Mais
× Fale com o ViDA!