No Dia do Careca, conheça novas técnicas para combater a calvície

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!
Micropigmentação capilar é nova técnica que vem fazendo sucesso (Foto: Divulgação)
Micropigmentação capilar é nova técnica que vem fazendo sucesso (Foto: Divulgação)

Dizem que é dos carecas que elas gostam mais, como já dizia a letra de uma conhecida marchinha de Carnaval… Mas, apesar de cada vez  mais fazer parte do mundo “fashion”, com muitos carecas assumidos, nem sempre a calvície é muito bem resolvida por quem sofre da queda ou perda de cabelos. No dia 14 de março, quando se celebra o Dia Nacional do Careca, o Blog Vida & Ação traz dois especialistas falando sobre novas técnicas para ajudar a vencer o problema e recuperar a auto-estima.

“O cabelo é a moldura do rosto, sinônimo de juventude, saúde, virilidade, e quando um indivíduo se depara com a queda de seus cabelos, começa uma luta diária para tentar reverter esse quadro, muda completamente sua rotina, interferindo em seu dia a dia, no convívio social e profissional. Só quem perde os cabelos sabe o quanto isso afeta a autoestima. A calvície afeta homens e também mulheres e, na maioria das vezes, quando chega causa grandes estragos na autoestima do indivíduo”, afirma o dermopigmentador capilar Elan Mello.

Segundo ele, na tentativa de “esconder” a carequice, por vergonha ou mesmo medo de rejeição, muita gente recorre aos mais diversos artifícios, como usar chapéus, bonés e perucas. “Alguns se tornam verdadeiros escravos desses acessórios e estão sempre à procura de fórmulas milagrosas que não cumprem o que prometem, sendo alvos fáceis de golpes e charlatões que só visam ao lucro financeiro”, ressalta.

Elan Mello é criador de um método que promete resultados imediatos, de forma natural, causando a ilusão de cabelo de verdade. É a micropigmentação capilar, um procedimento inovador que, segundo garante ele, vem ajudando inúmeras pessoas a se livrar da calvície e, consequentemente, a recuperar a autoestima. “É um procedimento que usa o implante de pigmentos na pele através do uso de agulhas (dermopigmentação) para camuflar a calvície, simulando artisticamente o bulbo capilar, os cabelos rapados ou preenchendo o couro cabeludo em cabelos com rarefação”.

Estímulo ao crescimento dos fios

Outro método também que vem sendo muito procurado é o Microagulhamento Capilar, feito pelo Dermaroller, um aparelho que possui milhares de microagulhas que agem na estimulação dos vasos do couro cabeludo, induzindo a uma maior taxa de crescimento dos fios. Seu efeito é tão eficiente que em alguns casos específicos pode até ter sucesso em situações de calvície reversível.

O  tratamento é muito utilizado nos Estados Unidos e na Europa. “Funciona através de micropunturas que produz na pele. Isto estimula a liberação de fatores de crescimento, além de estimular a produção de colágeno e elastina, podendo ser usado tanto em homens quanto em mulheres. É fantástico na estimulação e crescimento de cabelo, combatendo a calvície”, afirma a fisioterapeuta estética Lílian Ribeiro, da Renewmed.

“É aplicada uma camada de anestésico sobre a pele, aguarda-se 30 minutos e depois se faz o rolamento do aparelho e em seguida aplica-se um ativo indicado especificamente para cada caso. A pele pode ficar avermelhada por até 24 horas, mas pode ser disfarçada com maquiagem. Pode ocorrer a formação de micro-casquinhas”, esclarece a especialista. O procedimento dura em torno de uma hora e meia.

Segundo ela, o Dermaroller age como um catalisador para qualquer ativo que se pretende utilizar sobre a pele uma vez que este será absorvido num nível mais profundo e os resultados serão maximizados por este método. “A formação do tecido novo leva de seis a oito semanas e as células levam uma média de 13 dias para se renovarem e reorganizarem, portanto, é importante que você mantenha a “inflamação” para estimular o colágeno. A sugestão é que inicialmente seja feita a rolagem a cada 10 dias”, recomenda.

Da Redação, com assessorias

 

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

You may like

In the news
Leia Mais
× Fale com o ViDA!