Está aberta a temporada do humor no Rio de Janeiro

Heloísa Périssé ganha homenagem na Festa do Humor Carioca. De volta, ‘É Bomba’ traz Dudu Glamour. E Rodrigo Marques mostra comédia sem pudor

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

Dizem que ‘rir é o melhor remédio’ e, como diria Paulo Gustavo, é também um ‘ato de resistência’. Plenamente recuperada de um câncer nas glândulas salivares, descoberto em 2019, a atriz, humorista, escritora e roteirista Heloísa Périssé está de volta aos palcos em ritmo intenso neste 2024 com uma nova temporada da peça ‘A Iluminada’. Nesta sexta-feira (12), Heloísa será homenageada na abertura da Festa da Comédia Carioca, com um presente e um vídeo relembrando cenas de sua carreira nas telas do Teatro Prio, no Jockey Club da Gávea, zona sul carioca.

“Fiquei muito emocionada com essa homenagem. Fico muito feliz depois de mais de 30 anos de carreira, ter um festival que está homenageando a minha trajetória. Sobretudo um festival de humor, que foi onde eu pautei minha vida, como ganhei a vida para sustentar minhas filhas. Isso para mim é a prova de um reconhecimento. Tenho uma gratidão ao público por frequentar o teatro e as minhas peças. Acho que isso é a síntese de tudo. Fico realmente muito grata e feliz”, conta Heloísa Périssé.

Lançada em 2021, com turnê internacional em Portugal, entre outubro e dezembro de 2021, e pelo Brasil, desde 2022, “A Iluminada” tem direção de Mauro Farias e faz uma alusão aos Ted Talks de superação, com a personagem Tia Doro, uma palestrante motivacional que oferece ao público uma forma inusitada de ver o mundo.

Com mais de 30 anos de carreira, a atriz destacou-se com personagens em programas de TV e novelas, como a “Escolinha do Professor Raimundo” (1994-1996), “Zorra Total” (1999), “Sob Nova Direção” (2000-2004) e “Avenida Brasil” (2012), além da peça “Cócegas” (2001-2011), ao lado de Ingrid Guimarães.

Festa do Humor Carioca tem mais 5 atrações até 4 de fevereiro

O comediante e influenciador Esse Menino será uma das atrações da Festa da Comédia Carioca (Foto: George Lucas)

Além de “A Iluminada”, de Heloísa Périssé, o festival que vai reunir mais cinco peças de artistas e grupos. A ideia, segundo o curador do Teatro Prio, Caio Bucker, é “confraternizar e se divertir”.

“A ideia da Festa da Comédia Carioca é unir o melhor do humor no verão da Cidade Maravilhosa, no nosso Teatro que está pronto para receber o público com estrutura e uma programação de primeira linha. A curadoria é pensada na diversidade e na qualidade: são espetáculos e shows que se destacam em diversas mídias, como o teatro tradicional, as redes sociais e a televisão. Tem peça para todos os gostos e estilos, tem artista consagrado e tem gente nova que vem da internet”, explica.

Nos próximos dias de programação, tem João Pimenta no stand-up “Pimentaverso”, Grace Gianoukas que homenageia Dercy Gonçalves em “Nasci Pra Ser Dercy”, o monólogo “Eri Pinta Johnson Borda” com Eric Johnson, e a turnê “Esse Menino Ao Vivo”. A Festa da Comédia Carioca ainda conta com o premiado espetáculo “As Metades da Laranja – Um Musical com as canções de Fábio Jr”.

“O interessante é essa comunhão de todas as artes juntas no mesmo lugar para fazer o que mais precisamos nos dias de hoje: rir, se divertir e relaxar. Venham nos prestigiar, estamos te esperando!”, convida Caio Bucker. O Teatro Prio tem apoio oficial da Heineken. Os ingressos já estão à venda no Sympla. A classificação indicativa é de 14 anos.

‘É bomba’: uma comédia que é ‘a cara da riqueza’

Há quem pense que o personagem não é real, mas sim, ele existe e arrasta mais de 820 mil seguidores nas redes sociais. O influenciador digital Dudu Glamour – com seu icônico topete – é a estrela da peça ‘É Bomba’, que reestreia nesta sexta-feira, dia 12 de janeiro, às 21h20, no Teatro Vannucci, no Shopping da Gávea, zona sul do Rio. Em ritmo de pré-Carnaval, a festa conta com a participação especial do apresentador e carnavalesco Milton Cunha e de outra personalidade do mundo do samba: Gato de Salto.

“De origem humilde e apaixonado por moda desde criança, o criador de conteúdo digital começou como camelô para ajudar nas despesas da casa, até que viu seu sonho se realizar após uma oportunidade de fazer um curso na Inglaterra”, revela a revista ‘Caras’, sobre o protagonista de ‘É bomba’. Sem perder o bom humor, Dudu Glamour ganhou visibilidade nacional após sobrevoar a casa do Big Brother Brasil 21.

“O céu é o limite para mim. Foram muitos anos procurando estabilidade financeira, me dedicando para buscar o melhor para minha família. Sempre com um olhar firme, focado em vender minhas ideias e agregar valor a tudo. O resto é aproveitar as oportunidades dadas pela vida”, contou ele ao jornal Extra.
Cria de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, Dudu deixou para trás o “passado de apuros financeiros” e pode até ser considerado uma nova versão digital dos celebrados colunistas sociais do jornalismo impresso.  O influenciador apresenta o quadro de fofocas ‘Tô de olho com Dudu Glamour’, no programa Vem com a Gente, na TV Band Rio, e na Rádio Tupi FM ‘A Voz do Povo’, onde  traz conteúdos irreverentes sobre famosos.
Em seu perfil no instagram, divulga informação, festas, estilo de vida, viagens e muita moda.  Também incentiva as pessoas a buscarem seus sonhos. “Minha motivação sempre foi meu maior combustível. Nunca fui o tipo de pessoa que aceitava as condições que eu vivia e sempre quis mais. Quando as coisas começaram a dar certo, pensei que de alguma forma eu tinha a obrigação de ajudar os outros, e é isso que eu tenho feito desde então”, revelou à ‘Caras’.

Personagem que imita Narcisa é destaque na peça ‘É Bomba’

Para quem curte comédia rasgada, o elenco da peça protagonizada por Dudu Glamour promete arrancar boas risadas: é comédia do começo ao fim, com “cacos” imperdíveis dos talentosos atores. O texto de altíssimo astral é do jornalista Silvio Romero, que também atua na peça é ainda é assistente de direção de Reginaldo Celestino.

Na história, três funcionárias – todas vividas por atores assumidamente gays – elaboram um plano para ficar no lugar do apresentador Dudu Glamour e herdar a casa e todos os seus bens. Elas prometem agitar essa mansão que é a cara de riqueza. A peça traz ainda um golpista, uma moça ingênua e um atrapalhado produtor, que, com muito humor, fofoca, música e alegria ímpar, tentam ajudar o amigo a se livrar desse plano maquiavélico.

A equilibrada ‘Nascinza’, uma mulher que não tem papas na língua – é um destaque: Diogo Bonfim arranca muitas risadas ao imitar a socialite, advogada, escritora e jornalista Narcisa Tamborindeguy. O ator interpreta ainda Hebe Café Amargo, uma das maiores comunicadoras do país.

‘É Bomba’ estreou no dia 4 de novembro de 2023, competindo com diversos eventos na cidade, mas teve casa lotada de convidados e fãs. A jornalista Rosayne Macedo, editora do Portal ViDA & Ação, e as jornalistas Waléria de Carvalho – colunista de teatro do site Sopa Cultural – e a jornalista de moda Roni Filgueiras – marcaram presença na estreia e recomendam.

Diogo Bonfim, Lucas Barbosa, Leonardo Hess, Alex Bakalla, Pedro Thomas, Roberta Monteiro e Vini Lopes completam o elenco. O espetáculo, com realização da Cia Resenha, tem figurino e produção de Maria do Carmo Monteiro e Roberta Monteiro.

‘Estamos Vivos’: Rodrigo Marques escracha com ‘stand up’ sem pudor

E completando a temporada de humor nesse início do ano no Rio de Janeiro, o Teatro Riachuelo, no Centro da cidade, traz o humorista Rodrigo Marques. Após gravar seu segundo especial de comédia e lançar na Netflix, o recifense retorna aos palcos com o novo espetáculo, “Estamos Vivos”, em que reflete sobre os instintos mais básicos do ser humano e aborda, com bom humor e sem picardia, a perspectiva da sociedade sobre eles.

Com vocabulário vasto e muita sinceridade, marcas registradas de RM, o comediante fala dos mais variados temas, a partir de suas experiências pessoais. Mas é bom avisar: quase ninguém sai “ileso” do espetáculo. Rodrigo manda às favas a preocupação com o humor politicamente correto e traz piadas recheadas de referências a etarismo (a maternidade de Claudia Raia aos 50 anos, por exemplo), xenofobia (com uma imaginária criança refugiada) e até expõe uma certa aversão ao veganismo.

O tema ‘sexo’ é o  preferido do comediante – que diz ser adorado entre o público que curte pornô – e piadas sobre casas de suingue ganham um bom pedaço do espetáculo. Muito interativa, a peça acaba envolvendo diversas pessoas da plateia, que podem ser ‘vítimas’ das brincadeiras do humorista – inclusive menores de idade que estiverem presentes.

Sim, Rodrigo não poupa quase ninguém, mas deixa claro que nada é preconceito – é tudo pelo humor. E a casa lotada já no primeiro dia do espetáculo, com mais de 800 pessoas, mostrou que o comediante é compreendido e muito pelo seu público.

Quem é Rodrigo Marques?

Dono de um talento único, o recifense acumula em seu currículo diversos trabalhos que o credenciam como um dos principais nomes do humor no Brasil.  Apesar do diploma de jornalista, Rodrigo está no Stand Up Comedy desde 2008 e atualmente é um dos  apresentadores do programa “A Culpa é do Cabral”, no Comedy Central.

O bom humor no palco já levou Rodrigo para diversas cidades do Brasil e do mundo, inclusive fazendo uma turnê com shows em Portugal, Irlanda, Espanha e Inglaterra em 2022. Só no Instagram, Rodrigo acumula 2,2 milhões de seguidores e visualizações, números que aumentam diariamente devido ao reconhecimento e sucesso de público e crítica em suas apresentações.

Com 100 minutos e classificação etária de 16 anos, o espetáculo, em curta temporada, estreou nesta quinta-feira e vai até domingo (14), com apresentados nesta sexta e sábado às 20h e domingo às 18h. Vendas de ingressos pelo Sympla.

Com assessorias

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

You may like

In the news
Leia Mais
× Fale com o ViDA!