Especialistas discutem tratamentos para dor de cabeça e lombalgia

Agenda Positiva da semana destaca Congresso Brasileiro da Dor; inscrições para Rei e Rainha do Mar e os 14 anos da revista Plurale

dor-nas-costas Lombalgia é uma das três dores crônicas mais recorrentes. Mulheres são as principais vítimas (Foto: Reprodução de internet)
Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

A dor de cabeça e a lombalgia estão entre os principais motivos que levam as pessoas a procurar consultórios médicos. A dor nas costas é o problema mais comum entre os brasileiros, atingindo 16% da população ativa do país. Entre fevereiro e maio de 2020, houve um aumento de 76% nas buscas na internet pelo termo “dor nas costas”, comprovando a maior ocorrência de lombalgia na pandemia. Já a dor de cabeça tem recorrência cotidiana na vida do brasileiro e estudos apontam que cerca de 95% das pessoas sentem dor de cabeça pelo menos uma vez na vida.

As dores de cabeça e nas costas são o principal destaque da 15a edição do Congresso Brasileiro da Dor, maior evento de atualização profissional e de estímulo à pesquisa e aprimoramento nas discussões sobre o tema, realizado pela Sociedade Brasileira para Estudo da Dor (SBED), acontece entre os dias 4 e 7 de setembro, de forma online.

Pela primeira vez, a Reckitt participa com um lounge digital e um simpósio na programação do evento, apresentado pelo neurologista  Manoel Jacobsen, diretor do Centro Multidisciplinar de Dor da FMUSP, e Ricardo Kobayashi, ortopedista colaborador do Centro de Dor do Hospital das Clínicas da FMUSP.

Sob o título “Combinação inédita no Brasil: analgesia multimodal no controle da dor aguda”, o simpósio vai rever os conceitos básicos sobre dor e apresentar a nova opção de tratamento que combina duas moléculas em um só comprimido para proporcionar alívio mais rápido e prolongado da dor. A atividade acontece dia 6 de setembro, segunda-feira, às 13h30, no ambiente digital do CBDor.

 

Inscrições abertas para o Rei e Rainha do Mar 2021

Correr no asfalto e em terrenos planos já é um desafio, agora já imaginou encarar alguns quilômetros na área e em trilhas irregulares? Esses são alguns dos desafios que os inscritos nas provas de corrida podem esperar do Rei e Rainha do Mar 2021, edição que acontece nos dias 11 e 12 de setembro, em Cabo Frio, no litoral do Rio de Janeiro.

Nesta edição também haverá provas para as crianças, que podem se inscrever no circuito de corrida, na prova Kids Run. Os pequenos de 3 a 13 anos podem percorrer as distâncias de 50 a 600 metros, dependendo da idade e sempre acompanhados dos responsáveis.

Além das provas de corrida, o Rei e Rainha do Mar conta com desafios de natação. Os pais que quiserem levar a família, têm uma promoção de 10% no valor das provas infantis. No Combo Família Real, aqueles que realizarem as inscrições juntos, ganham o desconto.

Segundo os organizadores, os protocolos de segurança do evento garantem toda a comodidade para os pequenos e seus responsáveis. O evento foi o único de águas abertas realizado no mundo em 2020, seguindo todas as normas sanitárias impostas pela pandemia da Covid-19. A competição reuniu cerca de 2 mil atletas.

Criado em 2008, o Rei e Rainha do Mar é promovido pela Effect Sport, com patrocínio da Enel Distribuição Rio e da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude do Rio de Janeiro, via Lei de Incentivo do Estado. Os interessados em participar podem se inscrever pelo site oficial – reierainhadomar.com.br.

Revista aborda vacina, índios e banhos medicinais

Com a sustentabilidade como tema principal, a revista Plurale completa 14 anos em um dos momentos mais críticos da história sanitária e ambiental do país. A publicação – também disponível em site – é dirigida pela jornalista Sônia Araripe e divulga histórias de pessoas, empresas e projetos, abordando temas relacionados ao meio ambiente e iniciativas de cidadania, ação e cultura.

Na edição 75, que marca seu 14º aniversário, a publicação aborda a questão indígena, que vive um momento bastante difícil no país, está em pauta. O procurador federal, Marco Antonio Delfino relata ao repórter João Vitor Santos, da IHU On-Line, seu estudo na luta pela defesa dos direitos de povos originários e analisa outros casos que trazem em comum a perpetuação de lógicas coloniais.

Mas essa edição especial de aniversário é recheada de boas notícias. A repórter Nícia Ribas conta como jovens estão fazendo a diferença na semeadura por um “novo” planeta. Já Maria Augusta de Carvalho revela que banhos medicinais estão em alta na região sul de Minas Gerais.

A correspondente Viviane Faver relata o “despertar” da metrópole Nova Iorque, após a maior parte da população local ter sido vacinada contra a Covid-19. Marianna Vicente, engenheira engajada nas causas ambientais, traz um roteiro imperdível de Perth, destino incrível no Oeste da Austrália.

A escritora e jornalista Maria Helena Malta revisitou toda a obra do consagrado cineasta Silvio Tendler — de Jango e Sonhos interrompidos — com direito a fatos inéditos contatos pelo próprio Tendler.  Estudos de casos de ações sustentáveis praticadas por empresas como Ball, Copapa e Neoenergia são alguns dos destaques.

A  revista traz artigos inéditos assinados por Adriano Pires, Henrique Braun e Maria Elena Johannpeter. Maurette Brandt conta uma linda história sobre escritor e sua musa. E ainda, em destaque, as colunas Ecoturismo, de Isabella Araripe, Cinema Verde, de Isabel Capaverde, e Pelas Empresas, assinada por Felipe Araripe.

“Respeitando as recomendações de especialistas e da Ciência, adiamos a comemoração e evento presencial. Quando tudo passar, voltaremos a nos reencontrar presencialmente em 2022. Compartilhamos nesta edição tão especial reflexões e insights com nossos leitores”, disse a publisher de Plurale.

Com Assessorias

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

You may like

In the news
Leia Mais
× Fale com o ViDA!